15/09/2010

Conversando com os caras que ganharam o clipe Kinoarte

Eu conheci o Locodillos acho que no começo da banda. Alguns dos meninos ali eu conheço desde pequena. E tão bonitinhos, eles ganharam o prêmio do video clipe Kinoarte nas prévias Demo Sul!! Matheus (voz e guitarra), Cláudio (guitarra), Walter (voz e baixo), Wagner (teclado) e Max (batera), se juntaram para brincar, para criar um som próprio só por graça, e hoje estão ganhando seu espaço no cenário independente da cidade. Max na verdade se incorporou na banda agora, apesar de sempre tocar junto com os meninos, sua entrada oficial, ou seu 'batismo' como ele mesmo disse, foi nessa segunda.

A banda abriu as prévias Demo Sul do sábado passado (11/09) e na madrugada de domingo, depois do último show e da contagem dos votos, um dos produtores do festival ligou pra galera e avisou que eles tinham sido os mais votados e que iriam ganhar o clipe.

A alegria foi enorme, e o Cláudio até afirmou que não tem idéia de por que eles ganharam o prêmio. "Acho que talvez tenha sido influência das outras bandas, uma não ia poder tocar no festival, ai pediu pra galera não votar. Sei lá, acho que curtiram nosso som", arrisca.

Para o clipe, eles ainda estão indecisos entre duas músicas, 'América' e uma que foi tocada no show mas que segundo eles, ainda não tem nome. Como e aonde eles não sabem, mas dizem ter muitas idéias para a produção.
No Demo Sul em si, Locodillos vai dividir o palco com Monkberry e The Name, uma banda de São Paulo, no último dia do festival, dia 23. "Por mim ia só no show, nem tocava!", comenta Wagner, satisfeito. Todos afirmam estarem bem contentes mas ao mesmo tempo, tranquilos. "Acho que a ficha não caiu ainda", explica Cláudio. É a primeira vez que a banda participa do Demo Sul, mas já participaram de outros festivais, como o Londrina Rock Festival.

Quando a velha pergunta 'e quais são as influências musicais' foi solta na coletiva que rolou hoje de manhã no Alona (o Matheus e o Walter infelizmente não puderam ir), os três outros integrantes da banda se olharam e riram. "Ah cada um tem a sua influência própria, mas a gente curte o rock'n'roll das antigas, Beatles, Led, Bowie, Mutantes e também algumas coisas mais modernas como The 88 e Raconteurs", ri Cláudio.

Para eles, Londrina tem muitas bandas boas, com conteúdo, mas que ainda não deram as caras. Eles mesmos assumem terem passado por isso, terem ficados 'escondidos'. E apontam até mesmo o Demo Sul como exemplo, onde maioria das bandas inscritas eram de fora. "Banda que toca em bar, é difícil sair do bar", foi a frase usada, explicando que as pessoas se acomodam a tocar sempre nos mesmos lugares, para os mesmos amigos, e não se arriscam a tentar algo maior.

E como contraponto, eles acham festivais como o Demo Sul uma ótima oportunidade para que isso se encerre, as pessoas tem que mostrar quem são daí. Numa cidade onde o cover prevalece nas noites e nos botecos, a banda concorda que a aceitação de um som próprio é difícil. Mas que eles tão atrás disso.

Locodillos, uma banda diferente do que se ouve em todos os lugares, todos os dias, cujo som vale a pena conhecer!!


*Fotos: Louis Pellissier
**o Max não tá nas fotos não preciso dizer por que ne?? haha

2 comentários:

RENA TA CABRERA disse...

Matô a pal Reh. Levando em consideração o tempo de iniciação na cena musical destes crocodilos, os caras merecem estar nessa. Salve Locodillos! Agarrem esta oportunidade bichos!

'daniel castro disse...

É, essa é a real.
Eu to curtindo muito o som deles, mas acho que ainda há muitas idéias, as quais espero muito que passem pras letras, acordes, riffs, solos e ritmos, de forma bem ORIGINAL (coisa que já mostraram ter), que é algo sempre reconhecido, mas falta no cenário nacional.
E na real, agora é a hora de fazer isso e "dar as caras", no caminho ao climax da amadurecência!
Parabéns pelo clipe ;D